Página Inicial > Leituras > Sugestões > O País das Laranjas

O País das Laranjas
Rosário Alçada Araújo

 

Título:

O País das Laranjas

Autor:

Rosário Alçada Araújo

Ilustrador:

------

Editor:

Asa

 

 

 

 

Rosário Alçada Araújo tem uma abordagem à retórica literária que faz dela uma autora muito particular no contexto da literatura infantojuvenil portuguesa. Esta é a sua primeira narrativa juvenil de fôlego e todas as características que marcam a sua identidade literária ali se encontram consolidadas. A escritora respeita uma sintaxe cuidada e um vocabulário diversificado, segue uma estrutura sequencial onde, aqui e ali, há lugar a apontamentos sobre o passado da protagonista e de outras personagens, maioritariamente recorrendo ao diálogo. O tema, completamente novo na literatura juvenil portuguesa, está em plena harmonia com o estilo do texto. Martha chega com o irmão Peter a Portugal no Outono de 1949, vinda da Áustria, onde as condições de vida da mãe e da avó eram extremamente precárias devido à destruição provocada pela 2ª Guerra Mundial. A família que a acolhe temporariamente, até que lhe seja possível regressar a casa, dedica-se profundamente ao seu bem estar e à sua integração. Ao contrário do irmão, cuja família de acolhimento é pobre, Martha vive conflitos morais e afetivos perante a ideia do regresso à Áustria. Para além do contexto internacional e das diferenças culturais patentes entre os dois países também é notório um certo modo de vida da classe alta portuguesa, em plena ditadura, numa cidade do interior. Os protocolos sociais e educacionais são trabalhados com rigor e a novela não se furta nem a um contributo de memória histórica nem tão pouco a valores humanistas.

Palavras-chave: Memória, história, afetos, sociedade, 2a guerra mundial

Se gostaste, experimenta...

A guerra que salvou a minha vida, Kimberly Brubaker Bradley, Topseller

As mulherzinhas, Louisa May Alcott, Relógio d’Água

Diário de um adolescente na Lisboa de 1910, Alice Vieira, Texto Editores

Ver